O que é a Síndrome Pós-Covid?

Diversas pesquisas estão ocorrendo em torno da Covid-19. No entanto, além dos sintomas já conhecidos da doença, há algo que ainda intriga pesquisadores que é a chamada Síndrome Pós-Covid ou Covid longa, que se trata do aparecimento ou da persistência de sintomas após a infecção, em pessoas que foram consideradas curadas. Diferente do que se pode pensar, a Síndrome Pós-Covid não é observada somente em pacientes que apresentaram um quadro grave da doença. Segundo os médicos, ela não é observada em todos os casos, mas pode acontecer em qualquer caso, inclusive naqueles mais leves ou assintomáticos. Nos poucos estudos já desenvolvidos sobre o assunto, foi constatado que até 80% dos recuperados da Covid-19 sentem pelo menos um sintoma até quatro meses depois do fim da infecção.

Quais os sintomas observados na Síndrome Pós-Covid?

• Cansaço

• dores de cabeça e no corpo

• tosse

• sensação de falta de ar

• perda ou alteração no olfato e no paladar

• dificuldades de linguagem, raciocínio e memória

• palpitações

• ansiedade e depressão

• problemas digestivos

• tromboses

Enquanto a Covid-19, por ser altamente contagiosa, exigindo o afastamento do trabalho e o isolamento social, as sequelas muitas vezes são motivo de atestado por conta de seu efeito incapacitante nos pacientes. Os transtornos físicos e mentais característicos da Síndrome Pós-Covid, portanto, não são preocupações exclusivas do paciente, mas também de seus empregadores.

O que fazer quando os incômodos persistem?

Por ser uma doença relativamente nova, ainda não existe um tratamento definitivo para a Síndrome Pós-Covid. Sendo assim, o indicado é que aconteça um processo de reabilitação do paciente com um acompanhamento multidisciplinar.

Para saber quando é preciso buscar ajuda, os médicos ressaltam que o importante é ter em mente que não é normal não estar bem. Enquanto se investiga se há sequelas permanentes, a maior parte dos quadros pode ser revertida com o acompanhamento adequado.

A recomendação, portanto, é visitar o profissional especializado na queixa específica. Se o sintoma estiver relacionado, por exemplo, com a capacidade motora, deve-se procurar um fisioterapeuta. Se envolver fatores psíquicos, o psicólogo deve ser consultado, entre outros profissionais. O importante é avaliar se o problema é, de fato, uma sequela ou uma questão isolada — que também precisa do tratamento adequado.

Pensando na importância de uma recuperação completa, o SESI/RS desenvolveu um serviço de Atendimento Pós Covid, para reabilitação das sequelas consequentes da doença. O serviço pode ser solicitado por empregados e empregadores e dispõe de uma equipe multidisciplinar de profissionais da saúde para realizar um acompanhamento completo do trabalhador que apresenta sintomas da Síndrome Pós-Covid

 

Mantenedores

Apoiadores institucionais