Benito Berretta apresenta metodologia inovadora da escola de negócios Hyper Island | ABRH RS

Benito Berretta apresenta metodologia inovadora da escola de negócios Hyper Island

 

Em bom portunhol e com carisma único, o uruguaio Benito Berretta, diretor da Hyper Island Brasil, inicia sua palestra no CONGREGARH 2019, na tarde de sexta-feira (17) pedindo mais luz para ver os olhos das pessoas, afinal, segundo o palestrante "toda mudança é sobre pessoas". Com a projeção de uma prisão, que viria a dar lugar a primeira escola da Hyper Island, em Karlskrona, na Suécia, afirmou: "esse era o melhor lugar para uma escola, por que a única maneira de libertar as pessoas é por meio do conhecimento e do aprendizado".

 

Berreta apresentou a metodologia da Hyper Island, uma escola de negócios criativa com serviços de consultoria que empodera indivíduos e organizações. A partir da narrativa do TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade), o palestrante abordou o conceito de entropia, baseado na incerteza e na ambiguidade. Tais características originam um novo modelo de liderança: “morre o especialista, nesse novo modelo de geração de valor, a pergunta vale mais que a resposta”, determina.

 

As pessoas inovadoras - a liderança facilitadora - são as que fazem boas perguntas e, assim, catalisam mudanças. “Os melhores inovadores estão confortáveis com a própria ignorância”, enfatiza Berreta. O palestrante afirma a importância de um líder enxergar o poder na diversidade: “a diversidade é o motor da performance financeira”. Quando entende esse processo, o líder cria uma cultura inclusiva e maximiza a contribuição das outras pessoas. Dessa forma, identifica os melhores momentos para aumentar a entropia, pois na incerteza que se desaprende, e para reduzi-la, para aprender o novo processo.

Mantenedores

Apoiadores institucionais