Conheça o Employer Branding e saiba as vantagens deste conceito

 

O retorno financeiro não é mais a única preocupação de quem está a procura de emprego. Lugares que oportunizam a liberdade de expressão potencializam a capacidade de inovar, incentivam a autonomia e despertam o interesse para novas perspectivas engrandecem os olhos de quem está chegando. Nesse cenário cresce a procura por recursos como o Employer Branding: conjunto de técnicas que visa medir a reputação da empresa no mercado como empregadoras. É ele que vai determinar o grau de qualificação para atrair, recrutar e reter bons talentos.

 

São fatores como flexibilidade de horários, oportunidades de desenvolvimento profissional, ambiente organizacional saudável, boa remuneração com múltiplos benefícios, práticas éticas dentro da organização e engajamento em causas sociais e ambientais que são levados em consideração na hora de determinar o Employer Branding. Ele é um projeto de longo prazo, em que a empresa constrói continuamente sua reputação. Esse é um assunto não apenas na área de RH, mas que trabalha também com setores como Marketing, Comunicação, Assuntos Corporativos e outras áreas, para que tudo esteja alinhado de acordo com a visão, missão e princípios da empresa.    

           

Quanto melhor for a reputação, mais qualificadas serão as informações disponíveis sobre ela, facilitando a captação de currículos e contatos de profissionais querendo atuar nela. Somando também dentro das organizações colaboradores mais engajados e felizes que buscam defender e desenvolver o local onde atuam, pois se sentem pertencentes a um todo, construindo um direcionamento de propósito bem alinhado. Isso contribui para o bem estar das pessoas e constrói um ambiente diferenciado para o trabalho.

 

Para isso, investir em ações inovadoras que diminuam a burocracia dentro do ambiente de trabalho e promova a interação entre os profissionais se torna um recurso, pois funcionários comprometidos fazem o diferencial dentro das empresas. E para que isso ocorra, a organização deve apostar na transparência de seus posicionamentos, deixar claro o que pode oferecer e criar uma cultura verdadeira a ser realmente vivida por seus profissionais. Com isso, diminui a insatisfação de seus colaboradores e atende as demandas dos seus profissionais que estão cada vez mais interconectados e com visões distintas.

 

 

Mantenedores

Apoiadores institucionais